Tragédia SP – Igreja Luterana deve ser restaurada

Foto: Paulo Lopes/ Folhapress

Órgão de tubos e piano sofreram estragos. Luteranos de outros países devem ajudar.

Uma equipe formada por três engenheiros, um arquiteto e uma fotógrafa esteve na Igreja Luterana de São Paulo neste sábado (12). Parte do templo desabou após o incêndio de um prédio de 24 andares ao lado, ocorrido no dia 1º de Maio. Neste domingo foi decretado o fim das buscas.

Eles estavam acompanhados do pastor Frederico Carlos Ludwig. O grupo fez um levantamento dos estragos no templo. Várias partes do templo estão comprometidas. Mas alguns objetos poderão ser restaurados como o lustre, o órgão de tubos de 1946 e o piano. Os banco também serão restaurados.

A igreja Luterada foi construída em 1908. É a primeira instituição evangélica de São Paulo e primeira também em estilo neogótico. É conhecida como Igreja Martin Luther. Além disso, é tombada pelo patrimônio histórico municipal e estadual.

Segundo informações da Folha de São Paulo, cerca de 12 mil pessoas estão reunidas para recuperar o templo. Luteranos da Alemanha e do Japão também vão ajudar na empreitada de colocar a igreja novamente de pé. “A tragédia do prédio que desabou só terá sentido em torno da preservação da vida”, disse o pastor.


Leia mais

Incêndio em SP – “Tudo destruído”, diz pastor
Pós desabamento – Cultos em igreja atingida serão ao ar livre

Aproveite as promoções especiais na Loja da Comunhão!