Igreja com propósitos

Adoração, comunhão, discipulado, serviço e missões são os cinco propósitos de Deus para a sua igreja e que estruturam o modelo “Propósitos”.

Um ministério iniciado há mais de 25 anos nos Estados Unidos e introduzido no Espírito Santo em 2000.

As atividades tiveram inicio por intermédio da Igreja Batista de Morada de Camburi, que por meio de seu pastor, Erasmo Vieira, traduziu os primeiros direcionamentos (as classes de crescimento cristão), impulsionado pelo livro “Uma igreja com propósitos”, de Rick Warren.

“Iniciamos o trabalho por aqui sem tratar de doutrina ou denominação, e agora ele já se espalhou por todo o país”, comentou o pastor Erasmo Vieira.

Uma “igreja com propósitos” busca retirar do seu meio as características burocráticas e políticas, a fim de transformar o ambiente em um lugar de plena comunhão, além de evitar tudo o que distancia as pessoas da palavra de Deus. “Abolimos o terno, pois queremos quebrar o distanciamento entre os ministrantes e membros da igreja. Buscamos favorecer uma comunhão relevante e proporcionar um momento de adoração mais descontraído”, explicou o pastor Vieira.

Em 2001, a idéia do Ministério Propósitos chegou a São José dos Campos (SP), como extensão do Ministério de Educação Cristã da PIB e, no ano seguinte, o trabalho cresceu e se estruturou, por meio dos pastores Carlito Paes e Ricardo dos Santos. Daí então passou a ser chamado “Propósitos – Treinamento e Recursos”, onde são realizadas conferências e oferecidos aconselhamentos às igrejas, pastores e líderes. “Possuímos atualmente uma rede de 60 pastores que ministram cursos em todo o país e 3 mil igrejas que participam direta ou indiretamente desse ministério”, relatou o presidente do Propósitos e pastor da PIB de São José dos Campos, Carlito Paes.

O ministério Propósitos está presente em denominações como Presbiteriana, Batista, Metodista, Anglicana, Assembléia de Deus, Comunidades, entre outras, e é um trabalho independente de doutrinas. “Esse movimento não visa o tamanho, localização, denominação ou doutrina. Não mexemos com a teologia das igrejas e cada uma delas poderá adaptar o Propósitos à sua realidade”, afirmou o pastor Carlito Paes.

A PIB em São José dos Campos é parceira e mantenedora do Ministério Propósitos, oferece apoio a obreiros e, ainda, disponibiliza a sua estrutura para a realização de atividades. Desde 2003, ela conta com a colaboração do “Purpose Driven Ministries” a quem representa em todo país. “Somos um ministério auto-suficiente e temos um conselho administrativo com 15 membros. O trabalho tem crescido muito nos últimos anos e esperamos oferecer um número cada vez maior de recursos, seminários e conferências para todo o país”, concluiu o pastor Carlito Paes.

Os cinco pilares
  • Adoração – Planejados para adorar a Deus.
  • Comunhão – Estar inserido na família de Deus buscando os firmes propósitos relatados na Bíblia.
  • Crescimento ou Discipulado – Criados para tornarem-se semelhantes a Cristo, por meio da busca pelo crescimento espiritual.
  • Ministério ou Serviço – Moldados para servir a Deus praticando os dons e talentos.
  • Evangelismo ou Missão – Feitos para a missão de ganhar vidas para Jesus e dessa forma agradar ao coração de Deus.
Resultados

Crescimento, maturidade espiritual e participação constante dos membros são os principais resultados obtidos por uma igreja integrada no “Propósitos”. “Em cinco anos a nossa igreja registrou um aumento de 300 para 900 membros. Muitas pessoas passaram a participar dos trabalhos, voluntariamente, como é de praxe no ministério. Além disso, observamos também um aumento considerável na comunhão da igreja, devido à atuação dos pequenos grupos”, comentou pastor e coordenador do Propósito de Comunhão da PIB de Aracruz, Cristiano Rebouças.

Inúmeras bênçãos são contadas por meio dos eventos preparados com base nos ensinamentos bíblicos. “Uma igreja rica e abençoada é aquela que tem a visão de equilíbrio e busca usufruir dos benefícios resultantes de trabalhos feitos sobre os propósitos de Deus”, disse o pastor Cristiano Rebouças.

Um modelo de igreja contemporânea, que contextualiza-se à região onde está inserida e facilita o acesso das pessoas é um traço marcante no “Propósitos”. “A igreja passa a realizar cultos mais abrangentes e abertos aos não-crentes”, comentou o pastor Suetonio Costa da igreja Missão Evangélica Fonte de Vida, em Cariacica.

Desafios

Fazer a transição do velho para o novo e conscientizar a igreja de seu papel diante das atividades do “Propósitos” tem sido o grande desafio de alguns pastores. “A nossa maior provação é fazer com que todos os membros entendam que são parte de algum ministério e que precisam colocar seus dons em prática”, afirmou o pastor Cristiano Rebouças. O coordenador do propósito de comunhão da PIB de Aracruz disse ainda que os lideres precisam incentivar os crentes a viverem seus sonhos e exercer a vontade de Deus em suas vidas.

De outro lado, o pastor Suetonio Costa acredita que uma igreja recém-aberta não apresenta grandes entraves para uma nova forma de serviço em prol da obra de Deus. “Nossa igreja foi fundada há sete anos, é nova, e vivemos o “Propósitos” desde 2002. Por isso, tive facilidade em passar essa nova estratégia de ministério. Não precisamos retirar algo que já era usado para implantar o novo”, contou.

O pastor da Missão Evangélica Fonte de Vida completou dizendo que a grande dificuldade inicial, que todos possuem em comum, é saber liderar e mostrar que a igreja precisa ser atual sem perder a direção na palavra.

40 dias com propósitos

Trazer o equilíbrio à vida de quem ama a Deus, por meio dos cinco propósitos encontrados na Palavra é o objetivo da campanha “40 dias com Propósitos”. Como o nome já diz, são quarenta dias intensivos voltados a uma busca aprofundada por conhecimentos a respeito das ferramentas aplicadas nas igrejas, como os cultos especiais, mensagens, orações focadas, atividades especificas dentro de cada propósito, entre outras.

A campanha é aberta a todas as denominações, incluídas ou não no Propósitos. Para participar, bastar entrar em contato com a sede do ministério e pedir o kit explicativo. Depois disso, a igreja estuda, se prepara em oração e agenda uma data para realizar as atividades. Mais informações no site www.propositos.com.br.

A MATÉRIA ACIMA É UMA REPUBLICAÇÃO DA REVISTA COMUNHÃO. FATOS, COMENTÁRIOS E OPINIÕES CONTIDOS NO TEXTO SE REFEREM À ÉPOCA EM QUE A MATÉRIA FOI ESCRITA.

Aproveite as promoções especiais na Loja da Comunhão!