Deputada do Ceará denuncia ideologia de gênero em Escola

Foto: Facebook

Uma escola pública de Juazeiro do Norte liberou para os alunos um livro paradidático que incentiva a ideologia de gênero

Fortaleza – A Deputada Estadual do Ceará, Dra Silvana (PR) usou a tribuna da sessão legislativa da Assembleia nesta quarta (10) para fazer críticas a utilização de um livro usado em uma escola do interior do Estado que incentiva ideologia de gênero.

A parlamentar, que é evangélica, é conhecida por suas lutas em favor da família. Tata-se do livro “Cultura de Paz – Aprendizagem Socioemocional”. A obra incentiva as crianças a acreditarem que não “há várias formas de ser menino ou menina”.

Segundo a deputada, o livro é uma contribuição para reforçar a ideologia de gênero nos alunos. “Em uma das páginas, as crianças aprendem que gênero não é definido pelo corpo que as pessoas têm. Há vários jeitos de ser menino, de ser menina e de não ser nem um nem outro”, comentou.

Durante seu discurso na Assembleia, a deputada disse que recebeu a denúncia dos pais dos alunos. Ela ainda sugeriu que as pessoas que se sentissem confrontadas com a situação tinha a liberdade de ir à Justiça e cobrar indenização.

Outros deputados demonstraram apoio à parlamentar, como Ely Aguiar (PSDC). No discurso ele reforçou que a Assembleia Legislativa está ativa no combate à ideologia de gênero. “Cada um pode ser o que quiser quando adulto, mas não devemos impor esse tipo de coisa às crianças. A criança vai ser o que ensinarmos a elas. A ideologia de gênero destrói a família, a instituição mais importante da nossa sociedade”, finalizou.

*Com informações de O Estado 


Leia mais

Ideologia de Gênero: o paradoxo da igualdade
Ideologia de gênero em debate
Ideologia de Gênero
Ideologia de gênero e sexualidade na educação

Aproveite as promoções especiais na Loja da Comunhão!