Gasolina e diesel mais caros: combustíveis sofrem novos reajustes

A medida se deve a passagem do furacão Harvey, que fechou as refinarias nos Estados Unidos

A Petrobras anunciou que vai reajustar mais uma vez o preço da gasolina e do diesel nas refinarias, acumulando, desta forma, mais de 10% de aumento. A medida se deve a passagem do furação Harvey, que fechou as refinarias nos Estados Unidos, aumentando a procura pelo combustível. O novo valor passa a valer a partir desta terça-feira (05).

O novo aumento da gasolina será de 3,3% e do diesel de 0,1%. Nos últimos reajustes consecutivos, a gasolina acumulou acréscimo de preço de 11,2% desde o dia 31 de agosto e o diesel ficou 8,94% mais caro desde o dia 29.

Vale lembrar que no dia 24 de agosto, o governo decidiu que seria necessário aumentar o PIS/Cofins incidente sobre a gasolina e o diesel, afim de garantir o cumprimento da meta fiscal deste ano, causado por um déficit de R$ 139 bilhões.

Dessa forma, vale a pena buscar alternativas para reduzir o consumo de combustível e poupar dinheiro na hora de abastecer. De acordo com o gerente de serviços da Vitoriawagen de Serra, Susarion Ribeiro, com algumas dicas e boas práticas na direção, é possível economizar e garantir alívio para o bolso.

“Além da mudança de alguns hábitos na direção, existem diferentes modelos de veículos que são equipados com start/stop, um equipamento que desliga o veículo em paradas curtas, como em semáforos, por exemplo, o que auxilia na economia”, comentou, o gerente.

Confira algumas dicas que podem reduzir o consumo da gasolina:

Ar condicionado desligado – Apesar do calor, um dos fatores que ajudam na economia do combustível é usar o ar condicionado moderadamente. O ideal é trafegar com o item desligado em trajetos curtos ou pela cidade, uma vez que o equipamento ligado pode aumentar o consumo em até 20%. Para manter o carro fresco, o indicado é estacionar em locais com sombras.

Marchas certas – A troca de marcha também influencia no consumo de combustível. “As trocas incorretas são as vilãs do gasto de gasolina. É fundamental que o motorista siga as orientações do manual do carro para saber a velocidade correta das trocas de marchas e, assim, garantir bom desempenho e economia”, explicou o gerente.

Acessórios desligados – Antes de ligar o carro, é importante verificar se itens como faróis auxiliares, mídias e sistema de ventilação interna estão desligados. Assim, é possível diminuir a carga exigida pelo motor na próxima vez em que for ligá-lo, reduzindo o consumo de combustível.

Manutenção do carro – Para manter o bom funcionamento do carro, é preciso fazer manutenção regularmente e seguir as instruções do fabricante. É importante verificar os pneus e manter a calibragem e alinhamento em dia. Além disso, manter o motor bem regulado garante a demanda adequada de combustível, bem como menor emissão de gases poluentes.