Força na aparente fragilidade

Foto: Arquivo pessoal

O propósito de Deus para cada mulher é que cresçam em graça, sabedoria e conhecimento da vontade de Deus.

Dia desses observei minha irmã usando um salto agulha que alongava suas pernas e a deixava linda e muito elegante. Confesso que choquei. Já faz algum tempo que os saltos não fazem parte do meu guarda-roupa. A idade, o peso, a necessidade de conforto e praticidade, tudo me levou a adotar sapatilhas, tênis e outros calçados que, se um por um lado assassinam a elegância, por outro me deixam rápida para a correria do dia a dia. O mundo corporativo cobra aparência, mas também está reconhecendo o valor e a eficiência das mulheres, ainda que trabalhemos tanto quanto os homens e os salários continuem inferiores.

Desde que o mundo é mundo as mulheres têm sido multitarefas e sua competência para desempenhar várias tarefas ao mesmo tempo as levaram a abdicar de vários prazeres e luxos. Hoje a mulher levanta cedo, dá uma geral na casa, prepara o almoço, sai para trabalhar, foca nas atribuições de sua função e depois, no final do dia, volta para casa, pronta para mais um round. A vida feminina mais parece uma luta em um ringue, onde ela bate, mas apanha muito mais. Infelizmente há um número de mulheres que está apanhando literalmente e além de engrossarem as estatísticas, nos alertam que somos fortes, mas também somos frágeis e podemos nos quebrar.

As notícias mais recentes mostram casos hediondos de mulheres agredidas por quem deveria amá-las, protegê-las e valorizá-las. Algumas delas transformam a situação em uma batalha pessoal por justiça e para evitar que outras incorram nos mesmos erros, outros jamais se reerguem e se escondem para proteção e sobrevivência. Estamos carentes de atenção, de afeto e de reconhecimento, muitas vezes iludidas com a facilidade de relacionamentos artificiais que as redes sociais nos oferecem. Ninguém é o que parece no mundo virtual. Salvo exceções, postamos nossas melhores fotos, nosso melhor ângulo, as viagens mais bacanas e os momentos em que estamos sendo bem-sucedidas, assim, criamos e mantemos uma imagem perfeita, mas muito aquém da realidade, pois esta tem cores fortes e até cheiros ruins. O que estamos procurando?

Relacionamentos significativos e verdadeiros. O anseio de nos relacionarmos está em nosso DNA. Fomos criados à imagem e semelhança de Deus e Ele é trino. Talvez por isso, todo e qualquer veículo de comunicação ou aplicativo que ofereça relacionamentos torna-se um sucesso instantâneo. Criou-se uma mítica de que somos metade de uma uma fruta qualquer, mas não. Somos completos e perfeitamente criados. Deus não faz nada incompleto! Ele nos fez ajudadoras fiéis e idôneas e isso não nos diminui, nem nos deixa menores, mas nos faz grandes, fortes na aparente fragilidade. O propósito de Deus para cada mulher é que cresçam em graça, sabedoria e conhecimento da vontade de Deus.

“Somos amadas por quem nos incluiu em todos os seus planos maravilhosos – Jesus Cristo!”

Nós mulheres estamos cada dia mais fortes: cuidamos da casa, dos filhos, das finanças, vamos para o mercado de trabalho e nos empenhamos em fazer muitas coisas. Mas, estamos casa vez mais frágeis: pernas doídas, vista cansada, corações em frangalhos, mas não somos causa perdida. Somos vitoriosas por meio daquele que nos amou e nos resgatou das trevas para a sua maravilhosa luz. Somos amadas por quem nos incluiu em todos os seus planos maravilhosos: Jesus Cristo!

Quando estamos fracas é que somos fortes, pois dependemos completamente do Senhor. Mulheres, uni-vos no Senhor, pois n’Ele está a certeza da nossa vitória!


Priscila R. Aguiar Laranjeira: Professora, publicitária, gerente editorial, escritora

Aproveite as promoções especiais na Loja da Comunhão!