Evangelismo no Panamá

Foto: Comunicação Lagoinha

Cerca de 300 crianças de comunidades carentes da comunidade de Curundú, no Panamá foram contemplados com ações sociais por voluntários cristãos. 

As ações foram realizadas por voluntários da Igreja Batista Lagoinha. Eles distribuíram lanches para cerca de 300 crianças de Curundú, no Panamá. O objetivo é abrir caminho para a pregação do Evangelho.

“A alegria era notável tanto no rosto dos pequenos quanto no daqueles que puderam ser canal de bênçãos do Senhor. Nossa intenção foi fazer com que eles entendessem que não somos uma igreja que apenas leva a Palavra, mas que também está ali para amar, servir e viver a dor deles”, destaca o pastor da igreja, Fabiano Alves.

Segundo ele, a intenção é oferecer um refeitório pelo menos uma vez por semana. “Estamos avaliando outras necessidades dessa comunidade. Para isso, contamos com o apoio de um consultor voluntário aposentado pela ONU para nos dar alguns ensinamentos. E, assim, atendermos melhor essa comunidade tão carente”, afirma o pastor.

Evangelismo no Panamá

O trabalho social da igreja em Curundú acontece desde agosto do ano passado. Várias atividades já foram realizadas. Em um deles, foram arrecadados doações de roupas, calçados e brinquedos novos para mais de 150 crianças no Natal. Todas as ações são frutos de parcerias firmadas com empresários locais e têm o propósito maior de manifestar o amor de Cristo na comunidade.


Leia também

Mais de 30 mil recebem o Evangelho em ação missionária
Ação social e Evangelismo no interior de MG

Aproveite as promoções especiais na Loja da Comunhão!