Maria Madalena estreia hoje nos cinemas

Público reunido na pré estréia do filme Maria Madalena. Foto: Paulo Tauil

Estreia, nesta quinta-feira (15), o filme Maria Madalena nos cinemas do Brasil. O longa narra a história da personagem bíblica sob um novo olhar.

Hoje (15) todos poderão conhecer a incrível história de fé de uma das personagens mais incompreendidas da bíblia. Será a estreia do filme Maria Madalena nas telonas do país.

Três capitais brasileiras fizeram sessões exclusivas para representantes da mídia e influenciadores de Belo Horizonte, São Paulo e Rio de Janeiro nos últimos dias 12 e 13.

O longa, que é um lançamento da distribuidora Universal Pictures, conta a história de uma mulher corajosa, temente aos ensinamentos de Cristo e que verá sua vida transformada após caminhar com Ele. Mesmo contra sua família e a hierarquia social da época, Maria Madalena se torna uma discípula de Jesus e uma das líderes responsáveis por espalhar sua Palavra.

Pré estréia

Em São Paulo, a pré estreia contou com a presença de vários convidados. Dentre elas, Aline Françani. Ela é formada pela Hillsong College, na Austrália, e em moda pela Anhembi Morumbi SP. Se identificou com o filme.

“Assim como a personagem, sempre enfrentei tudo e todos para seguir meus sonhos e os mais ousados projetos. Apesar do filme mostrar uma história que aconteceu há muitos anos atrás, retrata o modelo de mulher atual e que buscamos consolidar. Na minha opinião, não existe áreas de atuação ou ministérios específicos a um determinado gênero. Ainda há tempo para corrigirmos conceitos arcaicos,” comentou.

Perdão, misericórdia e humanidade.

CEO da 360 WayUp, empresa que ficou conhecida por participar de grandes projetos no mercado cristão cinematográfico, Ygor Siqueira, conta que o filme Maria Madalena retrata a personagem como figura chave no ministério de Jesus. E que a história traz vários ensinamentos.

“Em uma das cenas, Jesus diz para as mulheres que elas possuem um espírito tão importante quanto de seus pais e maridos, logo, devem ser tratadas como um ser único, não subjugadas. Ele também ensina que elas devem obedecer a Deus e que devem aprender a perdoar. Algo que serve, é claro, não só para as mulheres, mas para a época, você percebe com isso um Jesus muito amoroso com todos, independente de quem fosse”, explicou.

Trailer


Leia mais

Filme: “Maria Madalena” chega em março aos cinemas

Aproveite as promoções especiais na Loja da Comunhão!