“Pedi a Deus para aliviar essa obsessão”, disse Demi Lovato sobre cura de vícios

A artista Demi Lovato afirmou recentemente que só conseguiu se manter sóbria porque teve ajuda de Deus para vencer a vontade de usar drogas e álcool.
Hoje a atriz está há cinco anos livre da influência dos vícios. No Instagram, ela revelou que passou por dificuldades extremas durante o período, mas recebeu força de Deus para resistir. “Me sinto tão grata. Tem sido uma jornada, tantos altos e baixos… Tantas vezes eu quis ter uma recaída, mas juntei minhas mãos e pedi a Deus para aliviar essa obsessão”, disse.

A causa da dependência química já foi abordada por ela em outras ocasiões, com a fama e o sucesso sendo um fator preponderante. Em 2013, Demi revelou que manipulava as pessoas ao seu redor para que conseguisse burlar a vigilância imposta a ela e usar drogas.

“Pelo meu vício em drogas eu conseguia me esconder em um lugar onde poderia usar sem ninguém ver. Eu não conseguia passar mais de trinta minutos a uma hora sem cocaína e levava a droga durante voos. Eu basicamente contrabandeava e apenas esperava até que todos na primeira classe adormecessem. Daí usava ali mesmo. Se tivesse que me esconder no banheiro eu fazia. Mesmo sendo acompanhada por uma pessoa sóbria, alguém que me vigiava 24 horas e morava comigo, eu era capaz de esconder isso da pessoa”, lembrou.

A cantora reiterou que somente com suas forças não seria capaz de vencer. “Eu estou muito orgulhosa de mim mesmo, mas eu não teria conseguido isso sem o poder superior a mim (Deus), minha família, amigos e todos os outros que me apoiaram.”

Essa jornada de combate ao próprio vício começou em março de 2012, quando Demi Lovato se viu obrigada a uma nova internação em uma clínica de reabilitação.

Compartilhe