Cristão perseguido na Colômbia vem ao Brasil

Será uma oportunidade de a igreja brasileira ser edificada com testemunhos de fé e coragem. Ele vem ao Brasil pela segunda vez.

O pastor Jasar (nome fictício por questão de segurança), 49 anos, é um dos parceiros da Missão Portas Abertas na Colômbia. Ele vai estar no Brasil de 21 de novembro a 10 de dezembro. E vai compartilhar seu testemunho de fé e o livramento de Deus em meio a perseguição religiosa.

O pastor se converteu aos 22, após ter tido sonhos e revelações a respeito do evangelho de Jesus Cristo. Ele arrisca a própria vida e a da família para pregar a mensagem da cruz. Ele desabafa que é um grande desafio permanecer fiel ao Senhor em um lugar onde os cristãos são ameaçados.

Na vida cristã, o pastor já passou por vários livramentos. Ele já viu homens que haviam sido enviados para matá-lo enquanto pregava, mas Deus o livrou da morte. Pela segunda vez no Brasil, o pastor vai contar sobre o seu ministério pastoral no país, a capacitação de pastores.

Uma das mensagens que ele quer levar para a igreja brasileira é que aproveitem ao máximo o tempo e que santifiquem sua vida ao Senhor a cada dia. “Peço também que orem pelos cristãos perseguidos em diferentes lugares do mundo. Que aproveitem o privilégio que Deus lhes deu de estar em uma nação que não enfrenta a perseguição”, declarou à Portas Abertas.

*Com informações de Portas Abertas


Leia mais

Pastor da Colômbia fala da Igreja Perseguida no país
Intimidação aos cristãos indígenas na Colômbia

Aproveite as promoções especiais na Loja da Comunhão!