Como experimentar a fé mesmo com o sofrimento?

Quando o assunto é sofrimento, os olhares e o entendimento sobre o seu conceito são múltiplos. A perspectiva muda conforme a experiência de cada um.

O contato com a dor, os golpes e as adversidades da vida, sejam elas relacionadas ao corpo físico, ao sentimento, à vida espiritual ou aos eventos circunstanciais, é capaz de endurecer ou amolecer um coração, enfraquecer ou fortalecer a fé. Mas será que a força da “tempestade” e o tamanho das “ondas” que se levantam contra alguém podem determinar o grau de sua dor? Os problemas nos ensinam algo? O que tem de didático nessas agruras? Que proveito há em enfrentar tormentas? Diante das inúmeras dúvidas que possam surgir numa “via-crúcis”, uma pergunta quase inevitável toma conta do pensamento de quem foi ferido pela vida: “Por quê, Deus?”.

LEIA A MATÉRIA COMPLETA FOLHEIE A EDIÇÃO DIGITAL DA REVISTA COMUNHÃO

OUÇA A MATÉRIA POR QUÊ, DEUS?

Aproveite as promoções especiais na Loja da Comunhão!