Na Estrada com Carlinhos Felix

“A sua oração pode fazer com que o povo descubra que o favor de Deus é tudo que precisamos”

Compositor, cantor, produtor, professor de música, ator e apresentador de TV. Carlinhos Felix é um artista completo. Com mais de 30 anos de carreira, ele ainda procura por novos desafios e tenta sempre levar o Evangelho a cada vez mais pessoas. A busca por novos projetos é uma característica de Carlinhos, que foi o primeiro entrevistado da Revista Comunhão, há 17 anos, e volta a falar aos leitores na edição comemorativa de número 200.

“Muita coisa mudou neste período: a musicalidade evoluiu, o investimento das igrejas em bons equipamentos, a busca de conhecimento na Palavra pelos músicos e ministros, além da abertura da mídia. Essas são algumas mudanças muito positivas que vi neste período”, comenta Carlinhos Felix.

O cantor possui 15 CDs gravados – dois são um pouco mais especiais. “Cada um dos 15 CDs tem uma história diferente, mas tenho um carinho especial por ‘Obediência’ (2008), pois tive uma direção de Deus para pôr esse nome. Também tenho um carinho muito grande por ‘Lindo Senhor’ (2013), que foi gravado durante o Jesus Vida Verão. Nele há músicas muito importantes para mim”, revelou.

Em toda a sua caminhada, Felix já viajou por todo o Brasil. Tanto tempo de estrada rende boas histórias e casos comoventes. “Lembro-me de uma vez estar tocando no interior de Minas Gerais e quando o nosso iluminador soltou fumaça para fazer um efeito com as luzes, alguém gritou: ‘Fogo!’. Todo mundo saiu correndo, e eu fiquei sozinho cantando com a banda. Tive que parar porque estava morrendo de rir”, divertiu-se, ao recordar o fato.

Em outra ocasião, em um campo de futebol, Felix viu uma criança ser curada. “Uma vez aconteceu algo muito marcante. Eu estava num evento, em um campo de futebol, e bem na hora da minha ministração uma criança surda foi curada por Jesus. Foi algo incrível e que eu sempre recordo”.

Com tantos projetos gravados e turnês, o carioca de 52 anos já foi premiado com diversos discos de ouro e platina. “É gratificante receber esse reconhecimento do público. O povo brasileiro, no geral, me recebe com muita alegria e respeito em qualquer lugar que chego, mas é tudo do Senhor. Tudo por Ele e para Ele”.

Mas não é só no Brasil que o artista é reconhecido. Ele já ministrou em diversos países e, nos Estados Unidos, chegou a ser consagrado capelão pelo estado de Nova York. “Não é fácil ministrar fora do Brasil, mas sempre pude ver a mão de Deus me amparando e me enchendo de graça. Quando morei nos EUA, fui consagrado capelão por NY. Era um desafio muito especial”, relembrou.

Ainda na música, Carlinhos Felix investe seu tempo e conhecimento na Escola Rios de Adoração. “A escola é a realização de um sonho. Eu e minha esposa, a pastora Adriana, mantemos a instituição no Espírito Santo e na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Acho muito importante essa busca pelo louvor. É um momento em que atraímos a presença de Deus”, comentou.

A música sempre esteve presente na sua vida. A TV, no entanto, apareceu em três momentos diferentes. “Comecei na TV há cerca de 15 anos, em Vitória. Algum tempo depois estive com o programa ‘Sonoros’, na Rede Boas Novas. Por fim, cheguei ao programa ‘Mais que Vencedores’, na RedeTV! do Espírito Santo. Esperem que vem mais por aí”, brincou o artista.

Ainda no meio televisivo, Carlinhos atuou recentemente no filme “Um Lugar Pra Ser Feliz”, em que viveu o personagem do Tio Peter. “O filme é uma produção da Sony Pictures e vai ser lançado dentro de algumas semanas. Podem conferir que vai ser um trabalho muito interessante”, antecipou o multiartista.É no cinema um de seus planos para o futuro. “Sei que o futuro está nas mãos de Deus, mas sou um sonhador pelas coisas dEle. Quero gravar um filme próprio, um filme evangelístico, e também quero ver a Escola bombando.

Teremos a Rios de Adoração em todo o Brasil por meio do ensino à distância”, antecipou. Ainda com tantas atividades, o artista encontra tempo para se dedicar à família. “Sou casado com a Adriana há 24 anos. Temos três filhos abençoados que gostam de música, gostam de surfar e amam Jesus. Somos amigos e apaixonados por eles. Lembro que conheci a Adriana em Belo Horizonte. Estava no Teatro Minas Centro cantando com o Rebanhão, saindo de uma hepatite. Naquele dia conheci o presente que Deus me reservou”, lembra o cantor.

Carlinhos Felix aproveitou a oportunidade para deixar uma mensagem a todos que acompanham o seu trabalho. “Desejo um abraço para os leitores da Revista Comunhão, espero que possam vir mais 200 edições. Abraços a todos e fiquem firmes. Nas eleições votem certo. O seu voto pode mudar a direção de sua cidade e da nossa nação. E a sua oração pode fazer com que o povo descubra que o favor de Deus é tudo que precisamos.”

Por fim, ele deixou um texto abençoado para os leitores. “Gosto muito de Jeremias 29.11-13. ‘Porque eu bem sei os pensamentos que tenho a vosso respeito, diz o Senhor; pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar o fim que esperais. Então me invocareis, e ireis, e orareis a mim, e eu vos ouvirei. E buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes com todo o vosso coração’”, concluiu.

Contato
Telefone: (21) 98178-9368
E-mail: agendacarlinhosfelix@gmail.com
Site: www.carlinhosfelix.com.br

Esta matéria é uma republicação da Revista Comunhão, em Maio de 2014. 

Aproveite as promoções especiais na Loja da Comunhão!