Após orações, mulheres desistem de abortar

Desde que a campanha começou em 2007, mais de 13.700 mães desistiram de abortar através das orações e vigílias

A campanha, que começou 27 de setembro e vai até o dia 5 de novembro, também incentiva a maternidade.

Conforme informações do Guia me, durante os “40 Dias pela Vida”, cristãos estão orando pelas mulheres que estão prestes a realizar o procedimento.

Testemunhos da ação foram compartilhados por Shawn Carney, diretora da campanha. Em Austin, no Texas, uma mulher desistiu de fazer aborto depois de se deparar com o grupo orando em frente à clínica. “Suas orações estão funcionando”, disse ela ao grupo de intercessores.

Em Downey, na Califórnia, dois casais saíram da clínica de aborto felizes por não terem seguido adiante com o procedimento. “Pode haver milhares de vidas poupadas através das orações e sacrifícios de todos nos 40 Dias Pela Vida”, declarou a ativista.

Desde que a campanha começou em 2007, mais de 13.700 mães desistiram de abortar através das orações e vigílias realizadas na parte de fora das clínicas de aborto.

Com o apoio de mais de 750 mil voluntários, a campanha impactou cerca de 715 cidades e 44 países. Como resultado das ações, 90 clínicas de aborto fecharam e pelo menos 154 funcionários pediram demissão.

Aproveite as promoções especiais na Loja da Comunhão!