Ao redor da mesa

Na Bíblia encontramos vários textos que abordam o valor da refeição em família. A mesa nos tempos bíblicos era diferente das que temos hoje.

Coisas importantes, na história bíblica, aconteceram ao redor da mesa.  Reconciliação e perdão: Uma das passagens mais lindas de toda a Bíblia é o reencontro de José com seus irmãos (Gn 42 a 45). O perdão de José aos seus irmãos se deu num ambiente de refeição (Gn 43.31-34). Lendo esse texto, podemos chegar à conclusão de que muitas vezes podemos externar nosso arrependimento, pedir perdão ou liberar o próprio perdão ao redor da mesa.

Lembranças: Em Êxodo 12.1-20 encontramos Deus orientando o povo para usar a refeição em família para relembrar a libertação do Egito. Use os momentos das refeições para lembrar o quanto Deus tem sido bondoso para com sua família. Lembrem juntos o que Deus tem  feito a favor da família.

Ministração: Jesus usou um momento de refeição, na casa de um fariseu, para ministrar lições valiosas para os Seus discípulos (Lc 14.1-14). Naquela oportunidade falou sobre as prioridades do Reino e do valor da humildade.  Aproveite as refeições em suas casas para discipular seus filhos e transmitir preciosidade eternas para suas vidas.

Instrução: Deuteronômio 6. 4-8 é um texto muito conhecido. Embora a palavra “mesa” não apareça no texto, podemos concluir que o momento que a família sentava à mesa era de sua importância para os pais instruírem seus filhos a respeito de Deus e de Sua vontade. “Converse sobre elas quando estiver sentado em casa”, nos aponta que o momento da refeição é um lugar propício para ensinar os filhos a respeito das coisas espirituais.

Orientação: Deuteronômio 14. 3-27 é um texto que narra sobre os alimentos proibidos e permitidos em Israel. À mesa também podemos conversar com os filhos sobre o valor de uma boa refeição e os benefícios que um alimento rico em fibra, proteína e vitaminas podem fazer ao organismo.

Compartilhamento: Jesus também usou um ambiente de refeição, ao redor da mesa, para compartilhar sua dor e sofrimento (Mt 26.17-30). Podemos aproveitar um ambiente de refeição para abrir o coração e compartilhar com nossos queridos as preocupações, ansiedades, dores e sofrimentos.

Lugar de sonhar: Gênesis 24.50-60 narra como se deu o acerto de casamento de Isaque e Rebeca. Com certeza hoje, em nossa sociedade, não é recomendável. Mas o que está por de trás do texto é que podemos usar as refeições em família para compartilhar com os filhos os nossos sonhos, como pais e mães, a respeito dos seus futuros maridos e esposas. Aproveite as refeições em sua família e converse com seus filhos sobre casamento, namoro e noivado.

Alegria: Jesus usou a figura da refeição para falar de alegria (Ap 3.20). Cear com alguém está associado, na cultura hebraica, a momentos de alegria. Transforme as refeições em sua família em momentos de alegria, de riso e de contentamento.  Concluindo, procure fazer das refeições momentos marcantes em família. A mesa é um lugar propício para deixar um legado para seus filhos e entes queridos.

Gilson Bifano

A matéria acima é uma republicação da Revista Comunhão. Fatos, comentários e opiniões contidos no texto se referem à época em que a matéria foi escrita.