O amor pelos refugiados

50 mil pessoas se fixaram no Brasil vindas da Venezuela nos últimos 3 anos. Foto: Luisa Gonzalez/ Reuters

“O fenômeno dos refugiados é uma oportunidade para que os cristãos façam uma reflexão de que a Terra pertence a Deus”, diz Rev Hernandes Dias Lopes.

Pacaraima, em Roraima, na fronteira entre Brasil e Venezuela, é a cidade do país que mais recebeu imigrantes venezuelanos. Depois de um crime cometido contra um comerciante brasileiro o clima ficou tenso na região.

Mais de 1,2 mil venezuelanos foram expulsos durante um protesto de moradores. Pacaraima vem recebendo milhares de venezuelanos desde 2016. Relatório de julho de 2018 da Organização Internacional para Migrações (OIM) aponta que pelo menos 50 mil pessoas se fixaram no Brasil vindas da Venezuela. Um aumento de mais de 1.000% em relação a 2015.

A situação dos venezuelanos no Reacendeu a discussão sobre a questão dos refugiados no país. O Rev Hernandes Dias Lopes chamou atenção para o assunto ao publicar um vídeo de alerta para os evangélicos. Segundo ele, o fenômeno dos refugiados é uma oportunidade para que os cristãos façam um reflexão de que a Terra pertence a Deus. “Muito embora as nações tenham fronteiras geográficas, linguísticas e culturais, toda a Terra é de Deus”, afirmou.

Hernades exortou os cristãos para o acolhimento e amor para os imigrantes. “Precisamos entender que, aqueles que buscam neste solo pátrio, uma chance ou uma esperança pra viver, precisam ser acolhidos com amor, com civilidade e com dignidade. Aqui não é o nosso lar permanente, aqui não é a nossa pátria permanente, aqui nós estamos de passagem”, lembrou.

Amor e compaixão

Na cidade de Pacaraima, o pastor Gedeão Vasconcelos, que lidera uma Igreja Batista na cidade, tem feito a diferença. Na confusão que aconteceu no mês passado, ele abrigou 63 venezuelanos em sua casa. A atitude dele mudou a vida dos refugiados.

“Me preocupei porque tinha crianças, famílias, que nós ajudávamos, evangelizávamos e dávamos comida. Aí comecei a colocá-las no meu carro e na sequência eu liguei para a irmã, falei que estava tudo muito violento, e pedi ajuda. A compaixão venceu o medo. Teve uma hora em que não aguentei. Tive que ter forças, pedir a Deus. Tem horas em que a gente não aguenta, é ser humano”, disse o pastor em entrevista ao G1.

O pastor Hernandes encoraja os brasileiros a cuidar daqueles que buscam abrigo no Brasil. Ele acredita que os refugiados podem contribuir para o progresso da nação e, ao mesmo tempo, serem “alcançados pelo evangelho da graça de Deus”, conclui.

Crise Venezuela

Venezuela vive uma crise econômica e social sem precedentes, daí o motivo de seus cidadãos buscarem refúgio no Brasil. De acordo com os dados do Comitê Nacional para os Refugiados (Conare), o número de solicitações de refúgios por venezuelanos no Brasil passou de 829 em 2015 para 3.375 em 2016.

Assista


Leia mais

Igreja acolhedora para venezuelanos
ONU alerta sobre fluxo migratório da Venezuela
1,2 mil venezuelanos deixam o Brasil após ataques
Ajuda humanitária aos refugiados venezuelanos

Aproveite as promoções especiais na Loja da Comunhão!